Grupo de Trabalho da Política de Incentivo à Participação Institucional Feminina no PJSC
(48) 3287-8510
Rua Álvaro Millen da Silveira n. 208, Centro, Florianópolis/SC, CEP 88020-901

O GT da Política de Incentivo à Participação Institucional Feminina no Poder Judiciário do Estado de Santa Catarina foi criado pela Resolução GP n. 35/2019 para auxiliar a administração do Tribunal de Justiça na coordenação e fiscalização do cumprimento da Resolução n. 255, de 4 de setembro de 2018, do Conselho Nacional de Justiça, sugerindo medidas para assegurar a igualdade entre os sexos no ambiente institucional e para elaborar estudos, realizar análise de cenários, promover eventos de capacitação e diálogo para discutir a implementação dessa política no âmbito do Poder Judiciário do Estado de Santa Catarina.

Nesse propósito, foi autorizada a criação do Espaço Mulher para divulgar informações sobre essa temática, por meio da disponibilização de vídeos, julgados, reportagens e notícias.

O GT deseja que esse espaço consiga transmitir ao público uma melhor compreensão sobre a importância do debate sobre a construção da igualdade de direitos e de oportunidades ao gênero feminino.

Sejam bem-vindas(os).

Marilande Fátima Manfrin Leida, Presidente, indicada Diretoria-Geral Administrativa;

Danielle Cristina Novack, indicada pela Diretoria de Gestão de Pessoas;

Michelle de Souza Gomes Hugill, indicada pela Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar;

Jussara Aparecida Barboza, indicada pela Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar; e

Priscila de Aquino Marcelino, indicada pela Academia Judicial.

Compete ao Grupo de Trabalho da Política de Incentivo à Participação Institucional Feminina no PJSC:

  • auxiliar a administração do Tribunal de Justiça na coordenação e fiscalização do cumprimento da Resolução n. 255, de 4 de setembro de 2018, do Conselho Nacional de Justiça;

  • sugerir medidas para assegurar a igualdade entre os sexos no ambiente institucional, como a publicação de diretrizes ou a edição de atos normativos destinados a incentivar a participação de mulheres em cargos de direção, chefia e assessoramento; e

  • elaborar estudos, realizar análise de cenários, promover eventos de capacitação e diálogo para discutir a implementação da Política Nacional de Incentivo à Participação Institucional Feminina no âmbito do Poder Judiciário do Estado de Santa Catarina.

<em breve>

<em breve>