Voltar

Não houve fila nem aglomeração no 1º dia de retorno gradual ao trabalho em Lages

No primeiro dia do retorno gradual das atividades presenciais na comarca de Lages, na última quarta-feira (23), a maioria das pessoas que foram ao Fórum Nereu Ramos tinha ato agendado. Não houve fila e aglomeração em frente ao prédio. Ainda assim, lageanos se deslocaram sem necessidade. Conforme orientação do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) para evitar a disseminação do coronavírus, a entrada é restrita àqueles que retornaram ao trabalho e aos que têm atendimento marcado impossível de ser feito de forma remota.

Aqueles que acessaram o Fórum tiveram a temperatura verificada. Há álcool líquido e em gel à disposição em todos os espaços. Nos corredores não há mais bebedouros e as cadeiras estão devidamente marcadas para respeitar o distanciamento. Os servidores que trabalham no atendimento ao público receberam máscaras e luvas.

Pessoas que estiveram na comarca sem agendamento foram em busca da certidão de antecedentes criminais. Esse documento pode ser obtido pela internet, no site do TJSC, sem precisar sair de casa. Aos que não tinham essa informação, a unidade auxiliou e forneceu um passo a passo para o interessado receber a certidão por e-mail.

Outra demanda que fez com que alguns fossem à unidade judiciária refere-se aos que precisam se apresentar todo mês em juízo, como é o caso dos apenados em regime aberto e dos réus que cumprem medida cautelar ou suspensão condicional do processo. Essas apresentações continuam suspensas mesmo com o retorno gradual das atividades presenciais do Poder Judiciário catarinense. A regra também vale para o sursis (suspensão condicional da pena) e para o livramento condicional.

O juiz diretor, Geraldo Corrêa Bastos, reforça que, sem necessidade justificada, as pessoas busquem o atendimento por e-mail ou telefone. "Este é um momento que requer muita cautela. A maioria dos servidores continua em home oficce. Somente 30% do quadro de profissionais está atuando presencialmente para garantir uma exposição com o máximo de segurança e o mínimo risco possível". O magistrado pede que os advogados deem preferência ao atendimento on-line ou então, quando isso não for possível, agendem um horário.

Quem tiver dúvida pode entrar em contato com os cartórios das unidades. Os telefones e endereços de e-mail estão no site do Tribunal de Justiça, em www.tjsc.jus.br. O telefone do Fórum de Lages é (49) 3289-3500. 

Imagens: Divulgação/TJSC
Conteúdo: Assessoria de Imprensa/NCI
Responsável: Ângelo Medeiros - Reg. Prof.: SC00445(JP)

Copiar o link desta notícia.