Dicas de gestão
Voltar Planejamento com foco no desempenho

O Planejamento Estratégico é um processo contínuo e sistemático que, dentro de um contexto previamente analisado, define diretrizes a serem seguidas por uma organização para atingir os seus objetivos e orienta o processo de tomada decisão sobre o futuro (MAXIMIANO, 2004).

No portal da Gestão Estratégica do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, o Planejamento Estratégico é definido pela Assessoria de Planejamento como "uma metodologia administrativa utilizada para desenvolver a estratégia da organização levando em consideração o ambiente na qual está inserida. Inclui atividades que envolvem a definição da Missão, Visão e Valores da Organização, o estabelecimento de seus Objetivos e o desenvolvimento de Estratégias que possibilitem o sucesso das operações no seu ambiente".

Nas organizações, podemos identificar três diferentes níveis de planejamento:

  • Estratégico: voltado para a definição da missão, da visão de futuro e dos valores da instituição;
  • Tático: orientado pelo planejamento estratégico, tem o foco no desenvolvimento de ações para o alcance dos resultados; e
  • Operacional: concentra esforços para a execução das ações alinhadas ao planejamento.

O Planejamento e a Visão Estratégica compõem uma das competências gerenciais deste Tribunal, identificada com base nos princípios da Gestão de Pessoas por Competências. Importante compreender que a Visão Estratégica não se refere a decisões futuras, mas sim aos resultados futuros de decisões presentes. Pode ser definida como a capacidade de projetar o futuro a partir da análise de fatos passados e de cenários presentes (DRUCKER, 1962).

Essa importante competência está relacionada às seguintes atividades gerenciais que podem ser exercidas em qualquer unidade de trabalho:

  • Planejar ações, com o estabelecimento de metas e mecanismos de controle;
  • Priorizar iniciativas visando à consecução dos objetivos da unidade; 
  • Estabelecer objetivos a serem atingidos pela unidade;
  • Desenvolver planos de ação para o alcance de cada um dos objetivos da unidade, alinhados às diretrizes estratégicas; 
  • Definir indicadores para o acompanhamento das metas; 
  • Identificar e mobilizar recursos necessários à execução dos planos de ação; 
  • Coordenar a execução das ações e a utilização de métodos que viabilizem o alcance dos resultados esperados; 
  • Promover engajamento e comprometimento individual, estimulando a participação da equipe nas decisões; e
  • Tomar decisões subsidiadas por informações técnicas de sua unidade.

A efetividade dessas ações poderá ser ampliada se as decisões ou definições forem construídas com a participação da equipe, de forma participativa.

Quer pôr em prática essa competência na gestão de sua equipe? Uma boa alternativa é começar seguindo alguns passos simples, preferencialmente, definidos em conjunto com a equipe:

  1. Identifique a situação atual de sua unidade de trabalho e projete os objetivos que se pretende alcançar;
  2. Estabeleça metas: seja ousado mas evite metas ¿inalcançáveis¿;
  3. Defina indicadores relacionados às metas, ou seja, formas de medir o desempenho do setor no momento atual e no futuro;
  4. Estabeleça ações e defina os responsáveis por elas;
  5. Acompanhe a execução das ações e monitore o alcance das metas; e
  6. Reoriente a equipe, podendo até, se necessário, revisar metas e planejar novas ações.

Desenvolvendo estas práticas, certamente estará ampliando as chances de você e sua equipe alcançarem melhores resultados.

Que tal desenvolver ainda mais essa competência gerencial? Sugestões de cursos, textos e vídeos relacionados ao tema estão disponíveis na página da competência gerencial de Planejamento e Visão Estratégica. Aproveite esta oportunidade!

E fique atento! Neste ano de 2020, nosso Tribunal irá realizar seu Planejamento Estratégico para os anos de 2021 a 2026 e você será convidado para colaborar. Participe!

Elaboração:
Diretoria de Gestão de Pessoas
Divisão de Desenvolvimento de Pessoas
 
Referências:
DRUKER, Peter F. Prática de administração de empresas. Rio de Janeiro, Fundo de Cultura. 1962.
MAXIMIANO, Antonio César Amaru. Fundamentos de Administração. São Paulo: Atlas, 2006.
Dicas essenciais para um bom planejamento. Disponível em: <https://www.truckpad.com.br/blog/dicas-essenciais-para-um-bom-planejamento/> Acesso em 6 jul 2020.
Planejamento estratégico e gestão de pessoas. Disponível em: <https://blog.convenia.com.br/planejamento-estrategico-e-gestao-de-pessoas/>Acesso em 6 jul 2020.
Planejamento estratégico, tático e operacional. Disponível em: <http://facilit.com.br/planejamento-estrategico-tatico-operacional/> Acesso em 6 jul 2020.