Dicas de português
Voltar Como escrever siglas

Sigla é a representação abreviada de um nome composto, geralmente por meio de suas iniciais. 

As siglas com até três letras são grafadas em maiúsculas: SUS, PFL, DOU, PM, OAB, USP, PUC, MEC, CEP, MP, URH, ME. 

As siglas com mais de três letras são grafadas apenas com a inicial maiúscula, desde que possam ser pronunciadas como uma palavra. Assim: Ipesc, Celesc, Casan, Serasa, Engepasa, Unibanco, Univali, Unisul, Telesc, Embratur, Dort, Unesco, Incra, Fiesp, Bradesco, Besc, Anatel, Bacen, Bovespa, Cofins, Cosif, Dataprev, Dieese, Embratel, Infraero, Mercosul, Procon, Sebrae, Sesc, Senac, Senai, Udesc, Unicamp, Unicef, Ufir, Unimed. 

Se não puderem ser pronunciadas como uma palavra, as siglas com mais de três letras serão grafadas em maiúsculas: ABNT, BNDES, CNBB, IPTU, DNER, INSS, ADCT, ICMS, CNPJ, FGTS, ISBN, ISSN, UFSC. 

Para formar o plural de uma sigla, basta acrescentar um "s" minúsculo a ela. Nunca use apóstrofo (`).

Certo: Ufirs, CEPs, URHs, PMs, Dorts.

Errado: Ufir's, UFIR'S, CEP's, CEP'S, URH's, URH'S, PM's, Dort's. 

Ao ser mencionado pela primeira vez, o nome composto deve ser escrito por extenso, seguido da sigla entre parênteses ou separada por travessão:

O Banco do Estado de Santa Catarina - Besc apelou...

O Banco do Estado de Santa Catarina (Besc) apelou...

Nas vezes seguintes em que o nome for citado, deve-se usar apenas a sigla:

Irresignado, o Besc apresentou contestação... 

A sigla de Sociedade Anônima é "S.A.", e não "S/A". 

A sigla de "Microempresa" é "ME", sem ponto depois do "E".