Dicas de português
Voltar

Hífen: palavras por justaposição, junto ou separado?

Uma das maiores dificuldades posterior ao acordo ortográfico é o uso do hífen. Anteriormente, de acordo com os anos de uso da língua portuguesa, simplesmente sabia-se. Apesar de existirem as regras expressas, poucos as conheciam. Era um conhecimento adquirido conforme o avanço da vida acadêmica. A ideia trazida majoritariamente com as mudanças gramaticais é a da simplificação, colocar regras claras, para que todos saibam como usar após estudar. Contudo, ainda restaram muitas exceções.

A partir disso, no presente texto, serão apresentadas as palavras que são compostas por justaposição. O texto do acordo ortográfico prevê o emprego do hífen nesse caso. Deve-se usar o hífen para ligar duas ou mais palavras que ocasionalmente se combinam, formando não propriamente vocábulos, mas encadeamentos vocabulares.

Tem-se, portanto: ano-luz, arcebispo-bispo, arco-íris, decreto-lei, és-sueste, médico-cirurgião, rainha-cláudia, tenente-coronel, tio-avô, turma-piloto; alcaide-mor, amor-perfeito, guarda-noturno, mato-grossense, norte-americano, porto-alegrense, sul-africano; afro-asiático, afro-luso-brasileiro, azul-escuro, luso-brasileiro, primeiro-ministro, primeiro-sargento, primo-infeção, segunda-feira; conta-gotas, finca-pé, guarda-chuva.

Mas e as exceções? Palavras "consagradas" permanecem inalteradas. Cabe ao usuário da língua portuguesa lembrar quais são as palavras consagradas, afinal, quem as classificou dessa forma não foi o próprio usuário. Girassol, madressilva, mandachuva, pontapé, paraquedas, paraquedista são os exemplos dados pelo próprio acordo.

Parece que a solução para aprender o uso do hífen na língua portuguesa será a mesma do uso anterior ao acordo. Quanto maior o grau de leitura e de exercício da escrita, maior será a sua perfeição.

Autora: Carolina Gaubert
Referências:
Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa - Atos internacionais e normas correlatas. 2ª edição (2014). Senado Federal.
Superdicas de ortografia - conforme o Volp (Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa). 1ª Edição (2010). Dad Saquarisi