Dicas de saúde
null Plástico e câncer

O aquecimento de recipientes plásticos contendo alimentos pode liberar substâncias nocivas com potencial de causar câncer, como a dioxina, o bisfenol A (BPA) e os ftalatos.

Pesquisas vem sendo realizadas, ainda que não totalmente conclusivas, mas mostram a associação de maior exposição ao BPA e o desenvolvimento de câncer de próstata.

Visto que não há como ter segurança quanto à presença ou não dessas substâncias nos recipientes utilizados, o recomendável é não usar bebidas quentes ou aquecer alimentos em recipientes plásticos, inclusive mamadeiras.

Ao aquecer alimentos, transfira a comida para vasilhas de vidro temperado ou de porcelana que suportem o calor. Essa cautela se aplica também para as bandejas de espuma em que são acondicionadas lasanhas e outras massas, por exemplo.

O filme plástico utilizado para proteger e cobrir alimentos também deve ser evitado, pois o vapor condensado pode respingar substâncias perigosas no alimento. É mais seguro usar papel toalha, pano de prato ou saco de papel.

E na hora do cafezinho, relaxe e tenha em mãos sua xícara de porcelana!

Com estes cuidados simples, você estará se protegendo e ainda protegerá o meio ambiente.

Faça melhor!

REFERÊNCIAS:
https://www.inca.gov.br/tipos-de-cancer/cancer-de-prostata
https://www.inca.gov.br/mitos-e-verdades/alimentacao
Tse LA et al. Bisphenol A and other environmental risk factors for prostate cancer in Hong Kong. Environ Int. 2017 Oct;107:1-7. Epub 2017 Jun 20.
Di Donato et al. Recent advances on bisphenol-A and endocrine disruptor effects on human prostate cancer. Mol Cell Endocrinol. 2017 Dec 5;457:35-42.Epub 2017 Feb 28.
Prins GS et al. Evaluation of Bisphenol A (BPA) Exposures on Prostate Stem Cell Homeostasis and Prostate Cancer Risk in the NCTR-Sprague-Dawley Rat: An NIEHS/FDA CLARITY-BPA Consortium Study. Environ Health Perspect. 2018 Nov;126(11):117001
 
Elaboração: Dra. Graciela de Oliveira Richter Schmidt ¿ CRM/ SC 10391