Gratificação de instrutor
O que é

É a gratificação concedida ao servidor que desenvolve atividades de ensino, pesquisa e extensão destinadas ao desenvolvimento de conhecimentos, habilidades e atitudes dos magistrados e servidores do Poder Judiciário catarinense, conforme a peculiaridade de suas atribuições: 

  • Coordenador de curso;
  • Docente;
  • Instrutor;
  • Monitor;
  • Avaliador;
  • Orientador em curso de graduação, pós-graduação lato e stricto sensu;
  • Orientador de metodologia científica;
  • Orientador no curso de formação para ingresso na carreira da magistratura;
  • Tutor;
  • Coordenador de tutores;
  • Conteudista;
  • Líder de projeto de pesquisa e dos Núcleos de Estudo e Pesquisa;
  • Membro integrante de projeto de pesquisa e dos Núcleos de Estudo e Pesquisa;
  • Moderador;
  • Supervisor;
  • Facilitador;
  • Revisor de conteúdo.

O valor da gratificação tem como base de cálculo o Índice de Gratificação (IG), que corresponde a 8% (oito por cento) do nível 1/A da Tabela de Vencimentos. Sobre essa base são aplicados outros critérios, como escolaridade, número de alunos, horas de trabalho, de acordo com o tipo de atividade.

Como requerer

O requerimento é realizado pela unidade que organizou o evento (Academia Judicial, Corregedoria, Diretoria de Gestão de Pessoas) por meio de ofício com a lista dos servidores, atividades desempenhadas, escolaridade e horas-aula, se for o caso.

 Legislação
Mais informações
Sobre o requerimento da gratificação
Academia Judicial
Divisão Administrativa
Seção de Custeio
E-mail: academia.custeio@tjsc.jus.br
Telefones: (48) 3287-2851
 
Sobre a análise da gratificação
Seção de Direitos e Deveres
Divisão de Registros Funcionais
Diretoria de Gestão de Pessoas
E-mail: dgp.direitosedeveres@tjsc.jus.br
Telefone: (48) 3287-7513