Voltar

Curso capacita profissionais na prevenção da violência contra a mulher em Blumenau

O curso Formar para Transformar, voltado à atuação conjunta das escolas, rede de atendimento e Poder Judiciário na prevenção da violência contra a mulher iniciou ontem (18/9) em Blumenau com a aula magna da desembargadora Salete Silva Sommariva, titular da Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar (Cevid), e a assinatura de um convênio entre a prefeitura de Blumenau e o Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC). 

"É neste projeto que os senhores irão prevenir, identificar e transformar, através das crianças transformar uma sociedade que precisa imediatamente ser mudada. Transformar valores que precisam urgentemente ser mudados. Todos vocês escreverão o nome de vocês nos anais da Justiça nesta campanha de conscientização e mudança de comportamento", citou a desembargadora durante a abertura do evento.

A formação, de dois dias, ocorre na Escola Técnica do SUS, no bairro Itoupava Norte, e reúne docentes e servidores da rede estadual e municipal de ensino de Blumenau, membros da rede de proteção de atendimento à mulher e servidores da comarca de Blumenau. O objetivo é potencializar as escolas para atuarem na prevenção da violência contra a mulher, ao prestar informações sobre a Lei Maria da Penha, direitos, garantias e medidas de proteção, e a integração da rede de atendimento. 

O encontro serve para capacitar professores e servidores de instituições de ensino e áreas interligadas a respeito dos procedimentos que devem ser adotados em situações de violência doméstica. Busca-se, assim, o fortalecimento das crianças, adolescentes e seus familiares no intuito de romperem com o ciclo de violência estabelecido em seus lares. Atualmente o Brasil ocupa a 5ª posição no ranking de 83 países que mais matam mulheres. Só perde para El Salvador, Colômbia, Guatemala e Rússia.  

Durante o evento também foi assinado um convênio com a prefeitura de Blumenau. Ele oficializa parceria já existente entre TJSC e o Grupo de Homens, da Secretária de Desenvolvimento Social da (Semudes) de Blumenau, dinâmica que envolve homens que prati­caram violência domésti­ca, onde quinzenalmente compartilham experiências e debatem temas como machismo, violência e refletem sobre o papel do homem na sociedade. Muitos dos participantes, envolvidos em casos de violência doméstica, são encaminhados às reuniões por determinação do titular da 2ª Vara Criminal da comarca de Blumenau.

Estiveram na abertura do encontro as juízas Quitéria Tamanini Vieira Péres, titular da 1ª Vara Cível da comarca de Blumenau e diretora do foro de Blumenau, e Simone Faria Locks, titular da Vara da Infância e Juventude da comarca de Blumenau, o secretário da Secretária de Desenvolvimento Social, Oscar Guilherme Grotmann Filho, a secretária de Educação, Patrícia Lueders e demais representantes do Poder Público Municipal. Nesta quinta-feira (19/9) o evento segue com palestras e roda de conversas sobre o tema.

Imagens: Núcleo de Comunicação Institucional/Blumenau
Conteúdo: Assessoria de Imprensa/NCI
Responsável: Ângelo Medeiros - Reg. Prof.: SC00445(JP)

Copiar o link desta notícia.